Museu da Água

image003Inaugurado no final do ano 2000, o Museu da Água ocupa uma área de 12 mil metros quadrados à margem do Rio Piracicaba, onde funcionou a primeira Estação de Captação e Bombeamento de água da cidade, construída em 1887. Havia no local dois casarões, um deles foi demolido para dar lugar á Avenida Beira Rio.
O museu serve como referencial histórico sobre o saneamento de Piracicaba desde sua fundação. Possui bombas hidráulicas e hidrômetros antigos e painéis com fotos dos serviços prestados naquele tempo. O local possui detalhes arquitetônicos e túneis, formados por antigos aquedutos. Além de uma ampla visão do Parque do Mirante, do Engenho Central e do Salto do Rio Piracicaba, o visitante também aprende a consumir água corretamente. Os lavatórios possuem um medidor do consumo de água. Enquanto lavam-se as mãos, o visitante poderá ver o quanto está gastando. O mesmo sistema é utilizado nos vasos sanitários, com caixas de água transparentes. É um projeto de educação ambiental e recuperação de mais um patrimônio histórico da cidade.